Osny Tavares

Faz uma década que entrei pela primeira vez na Universidade Positivo, então UnicenP, como calouro do curso de Jornalismo. Desde então, muita coisa aconteceu. Os primeiros dois anos foram bastante difíceis. Fiz trabalhos free-lance e passei por empregos fora do jornalismo. Em 2009, passei pelo programa de trainees do GRPCom e comecei a trabalhar na Gazeta do Povo. Passei pelas editorias Mundo e Economia, antes de me fixar no caderno Vida e Cidadania. Atualmente escrevo a página temática de Comunidade, que sai às quintas-feiras, além de reportagens sobre a vida cotidiana, planejamento urbano, personagens da cidade e comportamento digital. Em março, lancei meu primeiro livro-reportagem: “A Quatro Punhos – A história real de Macaris e Rosilete, um casal de boxeadores com um sonho em comum”, pela editora ComPactos.