Curitiba Vôlei é derrotado pelo Praia Clube, novo líder da Superliga Feminina

Partida terminou em 3 a 0 e teve sets disputados de maneiras diferentes, mas com o mesmo vencedor

O Curitiba Vôlei sofreu a sexta derrota consecutiva na temporada 2019/2020 da Superliga Feminina de Vôlei. A equipe paranaense perdeu para o Praia Clube por 3 sets a 0, com parciais de 22/25; 12/25; e 18/25, em partida disputada no Ginásio de Esportes da Universidade Positivo, que teve transmissão ao vivo pela Rádio Teia

Fernanda Garay, ponteira do Praia Clube, recebeu o Troféu Viva Vôlei de melhor jogadora do duelo. A atleta de 33 anos atua também pela Seleção Brasileira de Voleibol e foi campeã olímpica em Londres 2012. 

No início do primeiro set, o Praia Clube demonstrou o favoritismo esperado, com uma vantagem de seis pontos logo nos primeiros minutos de partida. Mas a equipe do Curitiba Vôlei conseguiu diminuir a diferença ao longo da primeira etapa do jogo, com destaques na defesa, como Vivi Braun, que jogou de líbero. As jogadoras treinadas por Duda Nunes chegaram a virar a partida, porém não conseguiram segurar a vantagem. 

Técnico Duda Nunes, do Curitiba Vôlei (Foto: Rhanna Sarot/RedeTeia.com)

O segundo set foi dominado pelo Praia Clube, que tomou grande vantagem desde início. O destaque nesta etapa foi o saque de Fernanda Garay, que desestabilizou a defesa do Curitiba, e permaneceu por vários pontos disputados. A vantagem construída fez o set ser vencido com tranquilidade pela equipe mineira.

Na última etapa da partida, as jogadoras do Curitiba Vôlei tentaram equilibrar o jogo, sem deixar o Praia Clube se distanciar no placar, para tentar vencer o terceiro set e prolongar a partida. Porém, ao final do jogo, alguns erros na defesa foram importantes para o clube de Uberlândia abrir vantagem e encerrar o duelo. 

Fernanda Garay, camisa 16, foi escolhida como melhor jogadora da partida (Foto: Rhanna Sarot/RedeTeia.com)

Necessidade de pontuar

A levantadora Ju Carrijo lamentou mais uma oportunidade perdida de conquistar pontos para tentar avançar: “A gente precisa desses pontos, é importante. Tá engasgado [os pontos não conquistados]. A gente vem fazendo bons jogos contra times grandes, mas precisa pontuar. Tirar pontos deles para a nossa classificação para os playoffs”.

 

Ju Carrijo chegou à equipe em novembro de 2019, com a temporada atual da Superliga em andamento. Ela destacou as condições que a Universidade Positivo oferece para as atividades do Curitiba Vôlei e falou sobre estar na capital paranaense: “Essa estrutura realmente difere, tem uma academia boa e um ginásio bom. E Curitiba é uma cidade muito gostosa de se morar, estou muito feliz aqui”.

Durante todo o jogo, a torcida do Cwb Vôlei vibrou a cada ponto conquistado (Foto: Rhanna Sarot/RedeTeia.com)

Ranking na Superliga

O Praia Clube assumiu a liderança da Superliga, com 41 pontos. Já o Curitiba Vôlei permanece na 9ª colocação, com 11 pontos, quatro atrás dos oito primeiros que se classificam para os playoffs. As duas equipes jogam na sexta-feira (07), às 20 horas: as líderes vão ao Rio de Janeiro enfrentar o Fluminense e o Curitiba recebe o Itambé/Minas, na Universidade Positivo.

previous arrow
next arrow
Slider

Deixe uma resposta