Maior congresso de cidades inteligentes do mundo vem para Curitiba

Em evento no teatro Paiol,  foi apresentado o planejamento da edição de 2020 do congresso Smart City Expo, sediada pela terceira vez seguida em Curitiba

Pela terceira vez consecutiva, Curitiba vai receber o congresso Smart City Expo. Na noite da última quinta-feira (5), aconteceu o evento de lançamento no teatro Paiol, onde foram revelados números importantes da edição deste ano, e o planejamento da edição de 2020.

Neste ano, o Smart City Expo Curitiba recebeu mais de 6 mil visitantes.  Segundo Caio Castro, sócio fundador da Icities empresa de soluções para cidades inteligentes, que é responsável por trazer o Smart City para Curitiba —, a previsão é que, no próximo ano, 10 mil pessoas visitem o evento, que irá acontecer nos dias 26 e 27 de março.

Caio castro, sócio-diretor da iCities, apresenta os resultados da Smart Cities 2018 e 2019 (Foto: Jhonny Reichelt/RedeTeia.com)

O sócio fundador também disse que a Smart City Expo vai ocupar o dobro espaço da Expo Barigui, no parque Barigui, e que a ideia é que mais empresas participem e exponham os seus trabalhos para superar os números da segunda edição.

No evento de lançamento, foi apresentado um novo Slogan: Smart city in action. Segundo Castro, o slogan é pensando na ação dos cidadãos, em uma sociedade mais prática, que não fica só no discurso, mas coloca em ação aquilo que aprende. 

A prefeitura de Curitiba também esteve presente no evento de lançamento na figura da presidente da agência Curitiba de desenvolvimento e inovação, Cris Alessi, e do vice-prefeito, Eduardo Pimentel, que reforçou que o evento é importante porque alia ciência e tecnologia para o bem do cidadão. 

Francisco Milagres, fundador da Mirach e palestrante com foco em estratégia e tecnologia, encerrou a noite falando um pouco sobre sua trajetória profissional, e mostrou o que há de mais avançado no campo da robótica e como os novos protótipos de robôs já estão sendo utilizados por exércitos e na indústria. Ele disse que um dos grandes desafios dos negócios é ter uma visão exponencial, já que desde criança a população é educada para enxergar o mundo de forma linear. E reforçou que “todo negócio tende a desaparecer se não tiver preparado para inovação”.

Francisco Milagres, co-fundador da Singularity, palestrando sobre soluções tecnológicas para cidades e empresas (Foto: Jhonny Reichelt/RedeTeia.com)

Deixe uma resposta