Funcionário da FCC é multado por propaganda eleitoral

Igor Barros Cordeiro, funcionário da Fundação Cultural de Curitiba,foi punido por ter deixado seu carro todo adesivado com propaganda dos candidatos Gustavo Fruet, para a prefeitura, e Jonny Stica (PDT), para vereador, em frente ao colégio estadual Leôncio Correia, no Bacacheri. A escola é local de votação.

Camila Abrão com informações de Ágatha Santos

O carro de Igor, um Hb20 preto, com placa AYW – 2186, ficou estacionado no local durante todo o dia de votação. Cordeiro só retirou às 17h05, minutos após a votação terminar. O veículo, segundo o policial militar Lucas Schille, estava parado, pelo menos, desde meio-dia, e por falta de guinchos teve de ser coberto.

O vidro de trás estava adesivado com a propaganda do candidato a vereador Jonny Stica (PDT). Embaixo da placa, havia mais um adesivo que fazia propaganda ao candidato a prefeito Gustavo Fruet (PDT).

Em seu perfil no Facebook, Cordeiro declara voto a ambos candidatos e se diz amigo do vereador Stica. Ele não quis falar com a reportagem quando foi abordado no local.

O policial militar também informou que o proprietário foi multado por crime eleitoral assim que chegou ao local. O valor pode variar entre R$5.320,50 a R$ 15.961,50. No Paraná foram registrados, de acordo com levantamento da PM, 186 crimes eleitorais até 14h30.

Foto de Ágatha Santos.
Foto de Ágatha Santos.

Deixe uma resposta